Free JavaScripts provided
by The JavaScript Source

3.8.05

Saudade...

Não acordei muito bem hoje... a saudade dói de uma maneira que vocês não imaginam! E eu sei que não tem nada que eu possa fazer para parar essa dor.
Nem sei porque eu resolvi escrever aqui... nem tenho nada pra dizer... Deve ser porque me lembra a mãe de uma forma divertida, porque a saudade que eu sinto hoje é dessa parte dela. Que mulher palhaça! Tava sempre rindo e tirando sarro de alguém! A gente sempre brincava e dizia que a melhor coisa do mundo era falar mal dos outros. Íamos para o shopping e ficávamos lá, avacalhando qualquer um que passasse pela nossa frente. Como eu sinto falta disso! A relação com ela era única! E eu sei que com cada um de vocês era diferente também. Porque a mãe era assim... ela nunca foi um tipo único de pessoa. Ela era várias em uma só! E dividia cada uma com cada pessoa especial da vida dela.
Como dói! Que raiva! A gente devia ter um botãozinho que desligasse isso! Como ela faz falta! Como eu sinto saudade! Como eu queria ela aqui comigo! E esse vazio aqui dentro ecoa a saudade e a dor! Que MERDA mesmo!
Espero que vocês continuem lendo o blog... hoje foi só um desabafo, mas eu estou procurando vários textos que a mãe escreveu durante a vida dela pra postar aqui! Aguardem!
Um beijo de Laura pra vocês!
Letícia...